AO VIVO: assista agora a live com a dupla Zezé Di Camargo e Luciano

686

Compartilhe:

Hoje rola a live com uma das duplas de maiores sucessos na música sertaneja no Brasil, Zezé Di Camargo e Luciano, são anos e mais anos de histórias e sucessos, na qual vai poder ser curtida em sua live hoje.

A live acontecerá à partir das 19h e pode ser assistida em nosso site diretamente do canal oficial da dupla no YouTube, basta clicar no player acima e curtir sertanejo romântico com uma das duplas mais antigas do Brasil.

AO VIVO: assista agora a live com a dupla Zezé Di Camargo e Luciano

BIOGRAFIA ZEZÉ DI CAMARGO E LUCIANO

Zezé Di Camargo & Luciano é uma dupla sertaneja brasileira formada pelos irmãos Mirosmar José de Camargo (cujo nome artístico – pseudônimo é Zezé Di Camargo) e Welson David de Camargo (conhecido como Luciano), naturais de Capela do Rio do Peixe, distrito de Pirenópolis, no estado de Goiás. A dupla tem uma média de 130 shows por ano, mais de um milhão de cópias por CD lançado, participação em campanhas publicitárias e licenciamento em várias marcas.

Fã de Tonico e Tinoco, seu Francisco, um lavrador de Pirenópolis, cidadezinha do interior de Goiás, acalentava um sonho: ter dois filhos homens que pudessem formar uma dupla sertaneja. Quando nasceu Mirosmar José, o primogênito da família Camargo, cobrou da mulher, dona Helena: – Agora precisamos da segunda voz. Um ano depois nascia Emival, o parceiro que faltava.

Quando Zezé, o filho mais velho, completou três anos, ganhou do pai uma gaita. Mais tarde, com o dinheiro que vinha da lavoura, seu Francisco comprou uma sanfona e um violão para os filhos, que àquela altura já formavam a dupla Camargo e Camarguinho. “Como eles tinham vergonha, eu dava dinheiro escondido para os outros pagarem os dois depois que cantassem.


Era para incentivar…”, relembra seu Francisco. A dupla-mirim se apresentava em circos e rodoviárias. Em 74, a família foi para Goiânia, sempre em busca do sonho de seu Chico, o de transformar seus filhos numa dupla. Lá, Welington, irmão nove anos mais novo que Zezé, adquiriu paralisia infantil. “Partimos de ônibus, levando os filhos e a graça de Deus…”, conta dona Helena.


DEIXE SEU COMENTÁRIO